***

Bom dia caros visitantes do “Marafações de uma Louletana”.

Chegado o mês de Junho é tempo de comemorar os Santos Populares.

Assim sendo, e como não é só em Lisboa que a festa dos Santos Populares é rija, Quarteira prepara-se para as referidas comemorações  que constituem o maior cartaz turístico da cidade e uma das mais enraizadas tradições da sua comunidade.  Nos dias 12, 23 e 28 de Junho, a partir das 21h00, a Avenida Marginal volta a ser palco de um espectáculo com muita cor, música e alegria, com o desfile de oito marchas em representação das principais artérias.

Centenas de figurantes vão desfilar trajados a rigor, com coreografias únicas inspiradas em temas como o mar, a actividade piscatória, as tradições dos Santos Populares – Stº António, S. João e S. Pedro – e os símbolos associados a esta festividade – os arcos, os manjericos, as fogueiras, os balões, a alcachofra ou o alho-porro.

Este ano, participam no desfile oito marchas em representação das principais ruas da cidade: Fundação António Aleixo, Rua Vasco da Gama, Florinhas de Quarteira, Rua do Pinheiro, Rua do Outeiro, Vilamoura, Rua da Cabine e Rua Gago Coutinho.

A entrada é gratuita.

A par do desfile, um pouco por toda a cidade haverá animação, com arraiais, fogueiras, bailaricos e os petiscos da época como a sardinha assada, febras e caldo-verde.

Estas são razões mais do que suficientes para que milhares de visitantes sejam esperados nestes dias em Quarteira para assistir a uma das mais importantes manifestações etnográficas da região.

Refira-se que esta é uma iniciativa da APROMAR, que conta com o apoio da Câmara Municipal de Loulé e Junta de Freguesia local. É de destacar ainda o esforço, a dedicação e o bairrismo das pessoas envolvidas neste evento, desde a organização, coreografia e confecção dos trajes típicos, o que tem contribuído, ao longo dos anos, para o sucesso dos Santos Populares de Quarteira.

 

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *