livro_Cinco-Sentidos

Olá caros visitantes do “Marafações de uma Louletana”.

“A 16 de Março, pelas 15h00, vai ter lugar na Biblioteca Municipal Sophia de Mello Breyner Andresen, em Loulé, a apresentação do livro “Cinco Sentidos”, de Miguel Silvestre (pseudónimo de António Dores).

O livro “Cinco Sentidos” resulta de um trabalho iniciado em 1991. É fruto da imaginação e suor do escritor. Não pretende contudo ser uma compilação de tudo o que de poesia o escritor criou. Marca uma época que se estende de 1991 até 2012, tendo a escrita e o estilo de Miguel Silvestre evoluído a cada dia que passava. Cada noite dedicada à escrita (tempo privilegiado que o escritor reserva para a criação literária) permite ao autor evoluir para novos paradigmas poéticos que se materializam umas vezes mais fortes do que outros, em incorporações de palavras que enchem a alma prenhe de imaginação e vontade, resultando em última instância nesta obra em questão e noutras cujas sementes lançadas no alvo papel ainda não produziram frutos maduros… Mas que amadurecem a cada dia, a cada noite, a cada semana de criação intensiva ao abrigo da noite e de olhares, de tentações e encruzilhadas de palavras muitas vezes impossíveis… Mas todas desejadas…

 

 

António Dores nasceu a 29 de Agosto de 1971, em Setúbal. O primeiro poema (uma lengalenga) foi no entanto escrito no Algarve, onde costumava passar as férias escolares. Depois desse poema nada mais do género escreveu. Só passados muitos anos, já frequentando a Universidade, é que voltou a sentir o desejo, a vontade, a necessidade de escrever para dessa forma exorcizar os seus demónios interiores que tanto o atormentavam. Adoptou o pseudónimo de Miguel Silvestre e publicou então algumas páginas na internet (no site do Terravista), contendo os seus três primeiros cadernos de poesia. Por essa altura começou a mudar-se para o Algarve de armas e bagagens onde iniciou em simultâneo vários projectos poéticos todos inacabados. Hoje acreditou que era possível concretizar esse sonho de publicar um livro e eis a obra da qual espera que desfrutem retirando dela o máximo prazer que conseguirem fazendo uso de todos os sentidos com que nasceram. O autor trabalha presentemente na Biblioteca Municipal de Loulé, como bibliotecário. As suas paixões são os livros e a leitura e escrever sempre foi o seu sonho.”

A entrada é livre.

 

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *